A Real Academia Espanhola de Letras

A “Real Academia Española” fundada por Juan Manuel Fernández Pacheco y Zúñiga em 1713, fica num edifício bonito atrás do Museo del Prado em Madri. A Academia regula e edita o dicionário da língua espanhola. Hoje, inclusive, a comissão da Academia está em Burgos reunida … Continuar lendo A Real Academia Espanhola de Letras

Está chegando: 75ª Feira do Livro de Madrid (com uma “pitada” de desânimo)

Feiras de livros são oportunidades fantásticas para conhecer todos os tipos de autores, de todos os gêneros e lugares. A Feira do Livro de Madri, cidade onde moro, dura 22 dias e, normalmente, traz um país convidado. Esse ano: a … Continuar lendo Está chegando: 75ª Feira do Livro de Madrid (com uma “pitada” de desânimo)

Antônio Torres no “Afiando a Língua”, de Tony Bellotto

O escritor Antônio Torres (Bahia, 1940) foi entrevistado por Tony Belloto (São Paulo, 1960, grande titã!) junto com  o cantor e compositor Jards Macalé (Rio de Janeiro, 1943). O mestre Torres nos conta suas histórias, suas andanças pelo mundo, seus … Continuar lendo Antônio Torres no “Afiando a Língua”, de Tony Bellotto

Resenha: O Rinoceronte, de Eugène Ionesco (PDF grátis)

Psicose coletiva, senhor Dudard, psicose coletiva é o que isso é! É como a religião que é o ópio dos povos! (p. 42) Você sabe o que é o gênero dramático? Encenação de “O rinoceronte” no Teatro de Bolso, Portugal, … Continuar lendo Resenha: O Rinoceronte, de Eugène Ionesco (PDF grátis)

O poema “Instantes” não é de Borges

Há muitos anos vem sendo reproduzido o poema “Instantes” como do poeta argentino Jorge Luis Borges. Basta olhar alguma antologia do escritor para comprovar que esse poema não existe entre seus escritos. O poema “rola” pela Internet e até em … Continuar lendo O poema “Instantes” não é de Borges

Resenha: Para que serve a literatura?, de Antoine Compagnon

Um pouco de teoria. Todo estudante de Letras deveria ter esse livro, porque dá muitas noções básicas e essenciais sobre a teoria da literatura em poucas páginas, é o bê a bá da literatura. Talvez seja mais importante responder “Para que … Continuar lendo Resenha: Para que serve a literatura?, de Antoine Compagnon

Um passeio por Madri no Dia Internacional do Livro

Enquanto o Brasil ainda dorme, eu já fui dar um passeio por algumas livrarias de Madri nesse Dia de São Jorge. Leia como essa data passou a ser a festa do livro: você conhece a tradição espanhola de presentear flores e livros? Hoje é o dia. Todo dia é dia de leitura, mas hoje é especial. Serve para festejar, para comprar livros com descontos, presentear, agitar o mercado editorial, conhecer autores pessoalmente, pedir autógrafos, se inspirar, conhecer, ler mais ainda e pensar em literatura! Uma das minhas livrarias preferidas em Madri é a Casa del Libro da Calle Alcalá, 96. O … Continuar lendo Um passeio por Madri no Dia Internacional do Livro

“Seis propostas para o próximo milênio”, Ítalo Calvino

               Minhas reflexões sempre me levaram a considerar a literatura como universal, sem distinções de língua e caráter nacional, e a considerar o passado em função do futuro (…) (p. 9) O “próximo milênio” … Continuar lendo “Seis propostas para o próximo milênio”, Ítalo Calvino

Biblioteca Digital Hispânica (Espanha)

A Biblioteca Nacional da Espanha disponibiliza um acervo digitalizado público e gratuito. O acervo consta de documentos, livros, manuscritos e outros, todos muito antigos e com grande importância histórica, como esse livro manuscrito da época do Império Romano, são escrituras religiosas, o título da obra: “Salterio (h. 1 149). Gesta Salvatoris. Inc.: Factum est in anno nono decimo tiberii cesaris imperatoris romanorum.”   Uma fonte interessante para estudantes e pesquisadores. Você pode consultar os documentos aqui. Continuar lendo Biblioteca Digital Hispânica (Espanha)

Biblioburro

 O leitor interessado em desbravar o mundo da literatura sempre vai encontrar uma maneira, ainda que não tenha um tostão no bolso. Com um pouco de boa vontade, pode- se desenvolver projetos simples e maravilhosos como esse, Biblioburro- Biblioteca Rural Ambulante, desenvolvido na cidade La Glória, na Colômbia, por Luis Soriano. Esse trabalho de distribuição de livros na zona rural e periferia das cidades deveria ser feito pelos governos, mas sabemos que na América do Sul isso ainda é utopia. Um singelo burrinho carregado de livros doados fazendo a alegria de adultos e crianças. Bonito, não?! Continuar lendo Biblioburro

Os prejuízos da literatura ruim

Esse post surgiu de uma discussão desagradável com uma pessoa lá no meu perfil do Falando em Literatura no Facebook. Obrigada, valeu um post! Eu defendo literatura de qualidade, isso é inegociável. Literatura boa não tem que ser “difícil” nem “chata”, judiação com a nossa querida literatura e seus escritores quem pensa assim. Pode ter livro considerado muito bom que eu, você, qualquer pessoa, pode não gostar.  Você não é obrigado a gostar de tudo, mas mesmo assim, esses livros irão te acrescentar muito mais do que qualquer best- seller água-com- açúcar, enlatados e afins. Mas agora eu não vou … Continuar lendo Os prejuízos da literatura ruim

Dia Nacional do Livro no Brasil

O livro é um mudo que fala, um surdo que responde, um cego que guia, um morto que vive. (António Vieira) foto: http://www.brasilescola.com Sabe qual foi o primeiro livro editado no Brasil? “Marília de Dirceu”, de Tomás Antônio Gonzaga em 1808, pela Imprensa Régia fundada por D. João VI, o rei de Portugal e do Brasil. Foi num dia 29 de outubro que o Brasil ganhou a sua primeira biblioteca em 1810, a Real Biblioteca Portuguesa no Rio de Janeiro, por esse motivo, hoje é comemorado o Dia Nacional do Livro desde 1966. Hoje essa biblioteca chama- se Fundação Biblioteca Nacional, … Continuar lendo Dia Nacional do Livro no Brasil

Bolsas- livro da Olympia Le- tan

As famosas e fashionistas aderiram à moda da bolsa- livro, criação da inglesa (criada na França) Olympia Le- tan, uma designer de moda apaixonada por literatura. Olympia Le- tan e sua biblioteca Famosas já desfilaram no tapete vermelho com as criações de Olympia, como Tilda Swinton, Natalie Portman ou Clémence Poésy: Os títulos (ou modelos) são bem variados e têm um ar vintage: As bolsas- livro custam 1140 euros no site da designer, que já trabalhou na Chanel e Balmain. Continuar lendo Bolsas- livro da Olympia Le- tan

Livros que eu não quero ler

É fácil reconhecer os livros que nos podem agradar pela temática, pelo autor, pela sinopse. Mas… e os livros que não queremos ler? Como evitá- los? Eu fiz a minha lista de livros que não me interessam, que não gosto, que não quero ler: 1. Livros com temáticas de apologia ao nazismo, ao racismo, ao preconceito. Odeio qualquer tipo de discriminação racial, um livro assim jamais vai entrar na minha estante ou tablete. Esses vão para a fogueira: 2. Livros que falam sobre política e economia. São chatos e são parciais (exceção para os históricos). 3. Livros de auto- ajuda, … Continuar lendo Livros que eu não quero ler

Ariano Suassuna em Feira de Santana

Não sei quantas vezes li “O Auto da Compadecida”, mas foram muitas. Uma das obras mais incríveis e divertidas da literatura brasileira, escrita pelo genial Ariano Suassuna, que vai estar em Feira de Santana no dia 6 de maio, às 18:00 hs, no Centro de Cultura Amélio Amorim. Ele vai ministrar uma “aula- espetáculo”, que faz parte da Celebração das Culturas dos Sertões promovido pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. No Teatro Municipal de Feira de Santana também vi repetidas vezes a encenação do “Auto da Compadecida”, ao recordar algumas cenas me provocam risos até hoje. É uma … Continuar lendo Ariano Suassuna em Feira de Santana

Ler é contagioso

Da palavra latina liber, derivam as palavras livro e livre. Da palavra latina legere, derivam as palavras ler e escolher. Literatura é liberdade e escolha. “A leitora”, Frank Benson, 1910 Abaixo, vários vídeos de projetos de incentivo à leitura e outras histórias: “Ler é contagioso” (Argentina) em espanhol: Projeto de leitura que mistura artesanato e literatura, eles mesmos confeccionaram um livro (São Paulo): “Tapete de leitura”, discutindo sobre obras e autores, leitura de poemas (São Paulo): “Ler”, de Luis Fernando Veríssimo: “A maior flor do mundo”, na voz de Saramago: Continuar lendo Ler é contagioso

Os 100 benefícios da leitura

A minha filha de 8 anos é uma grande leitora. Além de uma grande leitora, é também uma “pequena grande” escritora: ela está escrevendo uma história que a mamãe- coruja vai transformar num livro. Fico feliz com as notas máximas que ela tira em língua espanhola e redação no seu curso de 3ª série primária, mas fico radiante quando acontece uma coisa assim: “- Mamãe, acende a luz do quarto que está um pouco lúgubre…” – Aonde você aprendeu essa palavra lúgubre, filha?!” – No livro que eu li, mami..” Lúgubre?! Quantas vezes você usou essa palavra na sua vida … Continuar lendo Os 100 benefícios da leitura

Uma mulher apaixonada

Eu tenho um caso de amor e ódio com o passado: adoro relembrar as coisas bonitas e num apego desesperado, tentar revivê- las de alguma forma, nem que seja num mundo imaginário ou naquele estado de semiconsciência do mundo onírico. Às vezes é muito bom, mas às vezes provoca angústia, já que o passado vive no presente de outra forma, mesmo porque já não sou a mesma, o tempo é outro, não estou no mesmo lugar, nem com as mesmas pessoas. Na verdade, o passado é relativo, pelo menos o passado que nos marca, esse também vai conosco, vive no … Continuar lendo Uma mulher apaixonada