Resenha: “O centro das nossas desatenções”, de Antônio Torres.

(…) Com sua numerosa Corte traz a Biblioteca Nacional, com mais de 14 mil livros, além de documentos, salvos do terremoto de Lisboa, em 1795. (p.68) Por que as pessoas nascidas na cidade do Rio de Janeiro são chamadas de … Continuar lendo Resenha: “O centro das nossas desatenções”, de Antônio Torres.

Antônio Torres e a alegria

Três excelente surpresas, vamos lá! Quem me conhece sabe que o meu escritor brasileiro contemporâneo favorito é Antônio Torres. Era apaixonada por sua escritura muito antes de saber com detalhes quem era a pessoa por trás de “Essa Terra“. E acredite, … Continuar lendo Antônio Torres e a alegria

O FOTÓGRAFO SEBASTIÃO SALGADO RETRATADO EM “O SAL DA TERRA”

Sebastião Salgado (Aymorés, Minas Gerais, 08/02/1944) formado em Economia, é o maior fotógrafo brasileiro da atualidade e de toda a história do Brasil, consagrado entre os melhores do mundo. Em 1969, exilou- se em Paris por causa da ditadura no Brasil. Ganhou o “Príncipe de Astúrias” na Espanha. O fotógrafo lançou o livro Genesis,  Como o próprio nome diz, é sobre a natureza mais selvagem e primitiva, que o fotógrafo registrou durante 8 anos em suas andanças pelo mundo. Seu filho criou o documentário “Sal da Terra”…. Continue lendo o texto original postado lá no PalomitaZ, na Revista BrazilcomZ (Espanha).       Continuar lendo O FOTÓGRAFO SEBASTIÃO SALGADO RETRATADO EM “O SAL DA TERRA”

O último “Leituras” na TV Senado “impulsionou” o fim do programa?

Infelizmente, parece que esse vai ser mesmo o último programa “Leituras”, com Valdir de Aquino Ximenes, que é poeta, contista, narrador. É médico-pediatra. Nasceu em Fortaleza, e reside em Brasília há 25 anos e apresenta seu livro “Letra morta,  letra mortal”, … Continuar lendo O último “Leituras” na TV Senado “impulsionou” o fim do programa?

O Falando em Literatura virou tinta e papel: estreia na Revista BrazilcomZ

É pessoal, o Falando virou tinta e papel! O primeiro convite da Revista BrazilcomZ foi para escrever o blog sobre cinema, “PalomitaZ”, que começou no dia 30 de janeiro (gracias, Luzie!). Depois o convite estendeu- se à revista impressa, uma coluna … Continuar lendo O Falando em Literatura virou tinta e papel: estreia na Revista BrazilcomZ

E-BOOK grátis: História da Literatura Brasileira, de Sílvio Romero

Excelente livro para o pessoal de Letras, de um dos críticos literários mais notáveis que o Brasil teve, o sergipano Sílvio Romero (Lagarto, 21/04/1851 – Rio de Janeiro, 18/06/1914), polêmico na sua época. Ele faleceu antes do movimento modernista, então é … Continuar lendo E-BOOK grátis: História da Literatura Brasileira, de Sílvio Romero

“Multiculturalismo, fantástico poema de Pedro Lyra

Não é racismo preservar a própria cultura e defender os próprios costumes e estilo de vida no país em que nascemos. Quem chega é quem tem que integrar- se e não o contrário. Podemos aprender muito com o outro, com … Continuar lendo “Multiculturalismo, fantástico poema de Pedro Lyra

Livros que viraram filmes

É impossível dissociar cinema de literatura, já que antes de virar imagem, precisou existir um texto, um roteiro ou a adaptação de alguma obra. Uma das maiores fontes de inspiração para o cinema, sem dúvida, é a literatura. Clarice Lispector, Gianfrancesco Guarnieri, José de Alencar, entre outros… Veja o texto completo aqui, no blog PalomitaZ, na Revista BrazilcomZ.   Continuar lendo Livros que viraram filmes

A ABL é branca e masculina desde 1897

Pesquisando a história da Academia Brasileira de Letras, constatei o seguinte: Dos 288 acadêmicos da ABL em toda a sua história, não existe UM negro, só alguns poucos mestiços, que para o padrão brasileiro nem são considerados negros. Índio nenhum, zero. Dos 288 acadêmicos da ABL  de toda a sua história, só ingressaram 8 mulheres. Dos 288 acadêmicos e acadêmicas da ABL, não existe, nunca existiu UMA ÚNICA mulher negra ou índia. Estatuto da ABL: Art. 2º – Só podem ser membros efetivos da Academia os brasileiros que tenham, em qualquer dos gêneros de literatura, publicado obras de reconhecido mérito ou, fora … Continuar lendo A ABL é branca e masculina desde 1897

PDF grátis de Antônio Cândido (corre!)

Antônio Cândido é a minha bíblia. Quando tenho alguma dúvida teórica ou preciso de algum esclarecimento é o primeiro a quem recorro, depois parto para Massaud Moisés, normalmente. Encontrei um livro grátis BACANA para a turma de Letras ou qualquer … Continuar lendo PDF grátis de Antônio Cândido (corre!)

Começou o Salão do Livro de Paris, Brasil é o convidado de honra

Começou ontem à noite oficialmente, o 35º Salão do Livro de Paris, com a presença do ministro brasileiro, Juca Ferreira e o francês,  Fleur Pellerin. O Brasil é o país convidado de honra. A comitiva brasileira não é das mais numerosas, … Continuar lendo Começou o Salão do Livro de Paris, Brasil é o convidado de honra

Paris é uma festa! Coluna de Ancelmo Gois

Assim intitulou Ancelmo Gois a sua coluna no O Globo, “Paris é uma festa!”. A festa literária brasileira a partir do dia 20 de março, devido ao Salão do Livro de Paris, que acontecerá em três dias, mas depois haverá … Continuar lendo Paris é uma festa! Coluna de Ancelmo Gois

Escritora portuguesa ofende brasileiros com postura radical

Alguns autores não fazem nenhum favor a si próprios expondo- se nas redes sociais, pois acabam perdendo leitores.  Faz tempo que ando irritada com uma senhora que parecia- me bastante culta, mas já comprovei que é uma ignorante. Ela deveria parar de vender seus livros “com português correto” no nosso país, já que o português brasileiro para ela é uma “aberração”, uma “monstruosidade”, uma “vergonha”. Deixo aqui o convite: retire seus livros do mercado brasileiro. Para quê vender suas “joias” para um povo que fala tão errado e nem vai entendê- la, não é?! Teolinda Gersão faz campanha contra o Acordo Ortográfico … Continuar lendo Escritora portuguesa ofende brasileiros com postura radical

CLARICE NÃO MORREU! VIVE (MALTRATADA) NO FACEBOOK…

“Clarice não morreu!” Começo com este grito. Visto que em vida ela não foi tão cultuada, o nome de Clarice Lispector (1920 – 1977) nunca foi tão aclamado como na era digital, o século da revolução informática. Há pensamentos e … Continuar lendo CLARICE NÃO MORREU! VIVE (MALTRATADA) NO FACEBOOK…

Antônio Torres no “Afiando a Língua”, de Tony Bellotto

O escritor Antônio Torres (Bahia, 1940) foi entrevistado por Tony Belloto (São Paulo, 1960, grande titã!) junto com  o cantor e compositor Jards Macalé (Rio de Janeiro, 1943). O mestre Torres nos conta suas histórias, suas andanças pelo mundo, seus … Continuar lendo Antônio Torres no “Afiando a Língua”, de Tony Bellotto