O dia em que me tornei espanhola ou a fábrica de fazer espanhóis

Esta é uma das crônicas que ficaram nos rascunhos sem postar. Escrevi no dia 14 de novembro de 2019, depois da cerimônia de juramento da nacionalização espanhola. Eis: Uma mulher multinacional, agora eu tenho três nacionalidades, além da permissão de … Continuar lendo O dia em que me tornei espanhola ou a fábrica de fazer espanhóis

Em quantos países se fala o português?

Se você tem o português como idioma nativo, você deveria saber responder esta pergunta: em quantos países o português é falado? Soube responder? Parabéns! Já você que pensa que a nossa língua é coisa só de portugueses e brasileiros: aprender … Continuar lendo Em quantos países se fala o português?

A briga pelo poder é mais importante que o Brasil

O Brasil é um palco irreconciliável. Direita e esquerda disputam um cabo-de-guerra, como naquela brincadeira infantil. Só pode haver um lado vencedor e o outro tem que acabar no chão, espatifado, na lama, humilhado e sujo, de outra forma não … Continuar lendo A briga pelo poder é mais importante que o Brasil

O último texto de Moraes Moreira

Provavelmente 2020 seja um dos piores anos da nossa história. Fora a tragédia mundial da pandemia do Covid-19, hoje recebemos a triste notícia do falecimento do baiano Moraes Moreira (1947-2020), que dispensa apresentações, todo brasileiro o conhece. https://youtu.be/WjYPXN7A8Bc Na sua … Continuar lendo O último texto de Moraes Moreira

Leitura: “Estatuto do amor”, de Nélida Piñón

Está acontecendo um movimento literário mundial de leitura de textos e eu não quis ficar de fora. Escolhi para o primeiro #leituraemcasa do Falando em Literatura, um muito emocionante e forte (eu sempre choro quando leio): “Estatuto do amor”, de … Continuar lendo Leitura: “Estatuto do amor”, de Nélida Piñón

Você já roubou um livro?

Eu nunca roubei um livro. Aliás, nunca roubei nada. Já fui roubada algumas vezes, isso sim. Quando eu tinha 11 anos , peguei uma caneta de quatro cores no escritório do meu tio e a levei comigo, “ele tem tantas, … Continuar lendo Você já roubou um livro?

Resenha: Becos da Memória, de Conceição Evaristo

A última resenha do ano! Aviso: este é um LIVRAÇO! Pode haver poesia na favela? Claro! O olhar de Conceição Evaristo (Belo Horizonte, 29/11/1946) não me deixa mentir. Há muita beleza triste, dolorida e comovente na favela. A sua prosa … Continuar lendo Resenha: Becos da Memória, de Conceição Evaristo

Bandido Social e a neofavela: descolonização e criminalidade em “Cidade de Deus”, por Ísis Moraes

Você sabe o porquê do Brasil ser tão violento? O colonizador saiu do Brasil, mas a mentalidade da colônia permanece. Leia o irretocável e esclarecedor texto de Ísis Moraes:   Bandido Social e a neofavela: descolonização e criminalidade em Cidade … Continuar lendo Bandido Social e a neofavela: descolonização e criminalidade em “Cidade de Deus”, por Ísis Moraes

Resenha: “Ciranda de pedra”, de Lygia Fagundes Telles

Tenho uma leve lembrança da novela “Ciranda de Pedra”, que passou na minha infância (1981), mas nada significativo em relação ao enredo, só lembro do rosto de Lucélia Santos; portanto, essa obra era como uma desconhecida para mim. Sei que … Continuar lendo Resenha: “Ciranda de pedra”, de Lygia Fagundes Telles

Lista de obras de leitura obrigatória  FUVEST 2018

Lista de obras de leitura obrigatória  FUVEST 2018 Nome do livro Autor Iracema José de Alencar Memórias Póstumas de Brás Cubas Machado de Assis O Cortiço Aluísio de Azevedo A cidade e as serras Eça de Queirós Vidas secas Graciliano … Continuar lendo Lista de obras de leitura obrigatória  FUVEST 2018

Resenha: “O seminarista”, de Bernardo Guimarães #RevisitandoOsClássicos #1

“Crescent illae, et vos crescentis, amores” (“As árvores hão de crescer, e com elas haveis de crescer vós, meus amores” – Virgílio citado na p. 88) Aqui começa uma série: Revisitando os Clássicos Brasileiros. O que significa? São livros que … Continuar lendo Resenha: “O seminarista”, de Bernardo Guimarães #RevisitandoOsClássicos #1

Onze livros para sorteio!

Na véspera da Páscoa, vamos animar o coreto?! Sorteio de 11 livros, já que só faltam 10 pessoas para atingirmos 11 mil curtidas no Facebook. Escolhi 11 livros da minha biblioteca para o sorteio: “O desejo de Kianda”, do angolano … Continuar lendo Onze livros para sorteio!

O brasileiro Raduan Nassar ganha Prêmio Camões 2016

O paulista Raduan Nassar (Pindorama, 27/11/1935) ganhou o Prêmio Camões 2016, o maior da nossa língua, já que engloba autores de todos os países lusófonos. A entrega do prêmio de 100 mil euros aconteceu em São Paulo ontem (sexta, 17/02), com a presença de autoridades brasileiras … Continuar lendo O brasileiro Raduan Nassar ganha Prêmio Camões 2016

Literatura contemporânea: “Variedades”, de Fabio Gorodski

Vou apresentá- los um autor brasileiro contemporâneo, que vive em Berlim: Fabio Gorodski. Aqui o blog do autor. Fabio Gorodski tem uma vasta formação musical, conhecimentos notados no conto “comprimidos” (p.13)  e já teve um poema adaptado a um curta- metragem, veja. Se … Continuar lendo Literatura contemporânea: “Variedades”, de Fabio Gorodski