Resenha: “Uma furtiva lágrima”, de Nélida Piñón

Este é um dos melhores livros escritos em português. “Uma furtiva lágrima”, de Nélida Piñón é comparável ao “Livro do desassossego”, de Fernando Pessoa. Narrar é prova de amor. O amor cobra declarações, testemunho do que sente. Fala da desesperada medida … Continuar lendo Resenha: “Uma furtiva lágrima”, de Nélida Piñón

Resenha: “Ciranda de pedra”, de Lygia Fagundes Telles

Tenho uma leve lembrança da novela “Ciranda de Pedra”, que passou na minha infância (1981), mas nada significativo em relação ao enredo, só lembro do rosto de Lucélia Santos; portanto, essa obra era como uma desconhecida para mim. Sei que … Continuar lendo Resenha: “Ciranda de pedra”, de Lygia Fagundes Telles

Lista de obras de leitura obrigatória  FUVEST 2018

Lista de obras de leitura obrigatória  FUVEST 2018 Nome do livro Autor Iracema José de Alencar Memórias Póstumas de Brás Cubas Machado de Assis O Cortiço Aluísio de Azevedo A cidade e as serras Eça de Queirós Vidas secas Graciliano … Continuar lendo Lista de obras de leitura obrigatória  FUVEST 2018

Resenha: “Fahrenheit 451”, de Ray Bradbury

451° Fahrenheit: a temperatura que o papel dos livros se inflama e queima. (epígrafe)   O americano Ray Bradbury (1920- 2012) foi romancista, contista, ensaísta, dramaturgo e roteirista, publicou “Fahrenheit 451” em 1953, livro considerado a sua obra- prima. Ray … Continuar lendo Resenha: “Fahrenheit 451”, de Ray Bradbury

Tesouros da “British Library” (vídeo).

A Biblioteca Britânica é uma verdadeira joia da humanidade, ela é a guardiã de tesouros de valor incalculável. Nela há manuscritos de todas as épocas, de todos os povos, de todas as disciplinas. Eu estive passeando na biblioteca, sofri Síndrome … Continuar lendo Tesouros da “British Library” (vídeo).

O brasileiro Raduan Nassar ganha Prêmio Camões 2016

O paulista Raduan Nassar (Pindorama, 27/11/1935) ganhou o Prêmio Camões 2016, o maior da nossa língua, já que engloba autores de todos os países lusófonos. A entrega do prêmio de 100 mil euros aconteceu em São Paulo ontem (sexta, 17/02), com a presença de autoridades brasileiras … Continuar lendo O brasileiro Raduan Nassar ganha Prêmio Camões 2016

Voltando…primeiro post de 2017!

Resenha do livro “Histórias da Terra e do Mar, de Sophia de Mello Breyner Andresen. Continuar lendo Voltando…primeiro post de 2017!

Falando em Literatura…férias!

Devido à intensa atividade pessoal/profissional no ano de 2016 dessa blogueira que vos fala, não foram postadas todas as resenhas que eu pretendia para esse ano. Li muito, mas de forma desordenada, fragmentada, há vários rascunhos que pretendo terminar depois das férias. … Continuar lendo Falando em Literatura…férias!

Quando você foi ao cinema pela primeira vez?

Cinema é magia, principalmente os antigos de bairros tradicionais, aqueles onde o pipoqueiro te conhece pelo nome. Cinema faz parte da nossa história pessoal, um memorial de emoções. Você lembra do primeiro filme que viu no cinema? Eu lembro: “Bernardo … Continuar lendo Quando você foi ao cinema pela primeira vez?

Literatura contemporânea: “Variedades”, de Fabio Gorodski

Vou apresentá- los um autor brasileiro contemporâneo, que vive em Berlim: Fabio Gorodski. Aqui o blog do autor. Fabio Gorodski tem uma vasta formação musical, conhecimentos notados no conto “comprimidos” (p.13)  e já teve um poema adaptado a um curta- metragem, veja. Se … Continuar lendo Literatura contemporânea: “Variedades”, de Fabio Gorodski

Dez incríveis primeiros parágrafos

Um livro te pega pela capa, pelo título, sinopse, autor ou primeiro parágrafo? Eu escolho pelo autor e primeiro parágrafo. Selecionei dez primeiros parágrafos de livros que podem agarrar o leitor pela curiosidade que despertam, veja: 1.”Intimidade”, de Hanif Kureish … Continuar lendo Dez incríveis primeiros parágrafos

O novo romance do espanhol Carlos Ruiz Zafón

Quem ainda não leu “A sombra do vento” do espanhol Carlos Ruiz Zafón, coloque na lista, o livro é muito bacana! A história acontece na primeira metade do século XX, na cidade de Barcelona, a atmosfera é misteriosa, intrigante. O … Continuar lendo O novo romance do espanhol Carlos Ruiz Zafón

Dica de livro: “A festa da insignificância”, de Milan Kundera

Milan Kundera é tcheco e tem 87 anos. Muito famoso pela obra “A insustentável leveza do ser” (1983, leia a minha opinião sobre o livro em 2010). O autor não é só romancista, já experimentou vários gêneros literários:  a poesia, ensaio, … Continuar lendo Dica de livro: “A festa da insignificância”, de Milan Kundera

Resenha: Orlando, de Virgínia Woolf

Embora diferentes, os sexos se confundem. Em cada ser humano ocorre uma vacilação entre um sexo e outro; e às vezes só as roupas conservam a aparência masculina e feminina, quando, interiormente, o sexo está em completa oposição com o … Continuar lendo Resenha: Orlando, de Virgínia Woolf

Como escrever? O processo de escritura criativa

Como escrever? Por Rômulo Pessanha, colaborador Fiz- me essa pergunta e imaginei- me caminhando numa rua de um lugar desconhecido, mas desconhecido porque ficcional. Escrever é como imaginar que uma vida nova está se tornando uma realidade. A pergunta contém … Continuar lendo Como escrever? O processo de escritura criativa

Leitura Além das Leituras: A Decepção Com Um Escritor

Leitura Além das Leituras: A Decepção Com Um Escritor Por Gerson de Almeida, colaborador. É no mínimo curioso – por que não, engraçado? – como alguns escritores enganam e conseguem enganar turbas de gente com suposto elevado letramento e outros … Continuar lendo Leitura Além das Leituras: A Decepção Com Um Escritor