Então é Natal!


O ano de 2015 não foi o meu melhor ano de leituras, nem em quantidade, nem em qualidade. O meu propósito para 2016 é terminar a leitura de “Dom Quixote”, sem isso não vou pegar outros livros. E bato o pé: Cervantes ou nada!

Esse é o final de ano mais atarefado, acho, de toda a minha vida. Talvez sejam os dias mais tranquilos para a maioria (a não ser para muitas mães que fazem comida para um batalhão), mas para mim está sendo o contrário. Nem podia, mas tive que vir aqui desejar boas festas aos amigos (até os inimigos), colaboradores (obrigada Gerson, Elton e Rômulo!) e leitores do Falando em Literatura, que é o meu xodó, minha alegria, meu tesouro. Por nada eu deixo esse blog, tem uma coleção de beleza aqui, que pode não ter valor financeiro, mas me enche de alegria, aqui me sinto em casa.

Eu volto em 2016 cheia de projetos, como o Falando em Literatura TV (quem não se inscreveu, se inscreve lá no Youtube, só posso escolher o link quando tiver 100 inscritos, fora que assim você não perde o primeiro mico- quer dizer- vídeo. Falta terminar de editar, está quase, quase pronto. Dá um medinho, aqui estou menos exposta, mas ainda assim vou tentar entrar em contato com um público diferente e tentar trazer mais alguns para o lado da luz, ou seja, a Literatura.

Obrigada pela companhia nesse ano que está quase no fim. Em 2016 já entramos no 8º ano desse blog literário, uma verdadeira façanha dentro desse mundo virtual tão fugaz. Em parte, “a culpa” é de vocês, que estimulam e me fazem companhia.

Um feliz Natal! Um 2016 maravilhoso!

Anúncios