Chilena ganha prêmio literário na Espanha com obra inspirada em Clarice Lispector


A autora chilena Carla Guelfenbein (Santiago do Chile, 1959) inspirou- se na vida de Clarice Lispector para escrever seu romance “Contigo longe” (Livre tradução de “Contigo en la distancia”) que ganhou o Alfaguara, importante prêmio literário espanhol que paga 156 mil euros (quase 550 mil reais).  O livro de Carla ganhou por unanimidade. O jurado foi composto por escritores espanhóis como Javier Cercas, Pilar Reyes, a livreira Concha Quirós, entre outros.

Contigo en la distancia concorreu com 707 outros originais. A história enlaça amores e enigmas com uma escritura ao mesmo tempo complexa e transparente. Três vozes muito bem montadas iluminam as áreas escuras da mentira e da verdade, do talento e da mediocridade, do sucesso e do fracasso. O romance escolhido fala sobre a genialidade e a poesia. Acontece em dois tempos, nos anos cinquenta e na época atual. Há quatro personagens que estão unidos por Vera Sigall, uma escritora de culto. (Guelfenbein)

Sigall é o sobrenome da bisavó de Carla, que era da Ucrânia (como Clarice). Carla é fã de Clarice, “Há muitos aspectos da sua vida que me identifico”.

Esse é um romance policial, não é hermético, intimista sim. Vera Sigall sofre um acidente e entra em coma. Toda a trama gira em torno da vida desta escritora, reconstruída por três personagens adicionais.

carla_13499-L0x0

Faz 15 anos que Carla dedica- se exclusivamente a escrever. Contigo en la distancia é a sua quinta obra.

Fonte: La voz de Galicia

Anúncios