A estrutura do pensamento na escrita, por Rômulo Pessanha

Texto enviado por Rômulo Pessanha, formado em Letras,  que veio contribuir com a nossa Oficina de Escritura Criativa. Sobre o pensamento e o ato de escrever. Muito bom, não deixe de ler!   A estrutura do pensamento na escrita Inicialmente observemos um pequeno trecho do texto do livro Livro de José Luís Peixoto: “Maman. O toqueContinuar lendo “A estrutura do pensamento na escrita, por Rômulo Pessanha”

Restaurantes de cinema

Restaurantes de cinema, literalmente! Muitos lugares que servem de cenário para a festa gastronômica dos personagens, acabam virando ponto turístico. Veja alguns desses famosos restaurantes lá no PalomitaZ, meu blog de cinema na Revista Brazil com Z (Espanha). Barney Greengrass  (Nova York) Esse restaurante judeu que já tem 106 anos serviu de locação para vários filmes, entreContinuar lendo “Restaurantes de cinema”

“Florbela”, o filme português chegou ao Brasil em 2014

“Florbela” (2012), filme baseado na vida da poetisa portuguesa Florbela Espanca (Flor Bela Lobo, (Vila Viçosa, 08/12/1894 – Matosinhos, 08/12/1930), do diretor Vicente Alves do Ó, produção portuguesa, acabou de chegar ao Brasil. A crítica especializada em Portugal foi negativa, disse que é melodramático e exagerado, mas o público gostou bastante. A crítica no Brasil foiContinuar lendo ““Florbela”, o filme português chegou ao Brasil em 2014″

Resenha: Pseudopoesia, de Alves Rosa

Chorar em decassílabo/confessar-me em prosa/descrever- te em versos. (p. 36) Poesia elegante, lembrou- me os velhos românticos quanto às temáticas, poemas cheios de lirismo, versos limpos (acabou de ocorrer- me este termo, refiro- me à linguagem pouco rebuscada, leve, “sencilla”, mas precisa), versos brancos e com rimas. O Eu poético (a voz “que fala e sente” noContinuar lendo “Resenha: Pseudopoesia, de Alves Rosa”

O dia em que a terra tremeu em Madri

Pois é, mais essa para o meu “currículo”: senti a sensação da terra tremer! Quer dizer, sacudiu o edifício. Meu primeiro terremoto causou- me uma sensação de estranhamento: “caramba, sou eu ou são as coisas que estão tremendo?!”. Durou apenas uns segundos, pensei que fosse um caminhão pesado que havia passado na rua, mas não ouviContinuar lendo “O dia em que a terra tremeu em Madri”

A resenha cinematográfica da semana

A resenha cinematográfica da semana- “Cinquenta tons de Cinza”, “A teoria de tudo” e “Não chore, voa”. Dá uma olhada no post original lá no PalomitaZ, meu blog na Revista Brazil com Z. Não curti:     Curti muito! Não curti:  

Bem- vindo, Angola!

Bem- vindo pessoal de Angola, que está descobrindo a nossa página! Um prazer tê- los aqui, Angola é um país lindo, de gente encantadora e uma literatura forte. Uma das minhas poetisas favoritas é a angolana Ana Paula Ribeiro Tavares (Huíla, Angola, 30/10/1952). Algumas obras de Ana Paula Ribeiro Tavares: Ex- voto O tempo podeContinuar lendo “Bem- vindo, Angola!”

Mais dois PDFs de David Le Breton grátis

Quem baixou “A sociologia do corpo” do sociólogo francês David Le Breton, agora pode baixar também Antropologia do corpo e modernidade… …e Elogio do caminhar, ambos em espanhol. Recebi uma mensagem que o link para “A sociologia do corpo” já não está funcionando mais, não sei se de forma temporária ou definitiva. Então aproveita e faz oContinuar lendo “Mais dois PDFs de David Le Breton grátis”

“No café da juventude perdida”, Patrick Modiano

(…) Às vezes te oprime o coração quando pensa nas coisas que podiam ter sido e que não foram, ainda digo agora inclusive, que a casa continua vazia esperando- nos. (Ronald, p. 128) Prepare uns sapatos confortáveis porque você vai caminhar muito pelas ruas de Paris! Livro com encanto, tom nostálgico, de memórias, mistério, de um amor inesquecívelContinuar lendo ““No café da juventude perdida”, Patrick Modiano”