No dia da morte de Carlos Drummond de Andrade

No dia da morte de Carlos Drummond de Andrade (17/08/1987), há 23 anos, eu estava vivendo o meu primeiro amor na Bahia, chovia e estava nublado no Rio de Janeiro, o Vasco comemorava o campeonato Estadual, estavam acontecendo os jogos Pan- Americanos, Nelson Piquet ficou em 2º lugar no GP na Áustria, também seu aniversário, e o nosso querido Senna havia ficado em 5º lugar. Como a vida muda. Como a vida é muda. Como a vida é nula. Como a vida é nada. Como a vida é tudo. Tudo que se perde. No dia da morte de Carlos Drummond … Continuar lendo No dia da morte de Carlos Drummond de Andrade

Livros

Composição: Caetano Veloso Tropeçavas nos astros desastrada Quase não tínhamos livros em casa E a cidade não tinha livraria Mas os livros que em nossa vida entraram São como a radiação de um corpo negro Apontando pra a expansão do Universo Porque a frase, o conceito, o enredo, o verso (E, sem dúvida, sobretudo o verso) É o que pode lançar mundos no mundo. Tropeçavas nos astros desastrada Sem saber que a ventura e a desventura Dessa estrada que vai do nada ao nada São livros e o luar contra a cultura. Os livros são objetos transcendentes Mas podemos amá-los … Continuar lendo Livros

Português de Portugal X Português do Brasil (4)

Apesar de Margarida Rebelo Pinto escrever em um português mais “neutro”, digamos assim, sem tantas expressões lusas, retirei alguns vocábulos do seu livro “O dia em que te esqueci”, que seriam escritos diferentes em português brasileiro: Portugal   X    Brasil 1. Piroso – brega 2. Pilinha- pintinho (pênis) 3. Espaguerte- espaguete 4. Alcunha- apelido 5. Forreta- pão- duro 6. Pucarinho- na cara-de-pau, na ponga (ser hospedado e alimentado na casa de alguém grátis, por exemplo) 7. Jeans ruços- jeans velhos, desgastados 8. Engodo- isca, armadilha 9. Bonomia- humildade Você pode consultar outras listas aqui, aqui e aqui.   Continuar lendo Português de Portugal X Português do Brasil (4)

Alberto Vázquez Figueroa, pioneiro no livro horizontal

Conheci pessoalmente na última Feira do Livro de Madri, o simpaticíssimo Alberto Vazquez Figueroa, importante escritor contemporâneo espanhol. Ele trouxe uma inovadora forma no seu mais recente livro, “O mar em chamas”, que foi impresso na forma horizontal. As vantagens do novo formato é que, além de economizar papel e ser mais ecológico, a iluminação também é melhor. O escritor patenteou um separador para segurar as folhas do seu livro horizontal. Claro que eu vou querer um exemplar desse livro, pioneiro no formato horizontal, diferente de todos os que vêm sendo editados nos últimos 500 anos. Continuar lendo Alberto Vázquez Figueroa, pioneiro no livro horizontal

Mude de ideia

“Idéia” ou “ideia”? No Brasil, a grafia pedia o acento agudo, mas ele caiu com a última reforma ortográfica que entrou em vigor em janeiro de 2009. A regra é simples: Não se usará mais acento agudo nos ditongos abertos “ei” e “oi” de palavras paroxítonas, como “assembléia”, “idéia”, “heróica” e “jibóia”. Portanto, mude de ideia. Continuar lendo Mude de ideia

Português Portugal X Português Brasil (3)

Lendo “Tristessa” (Jack Kerouac), numa edição portuguesa, notei a enorme quantidade de palavras e expressões com sotaque luso, que no português do Brasil seriam de outra forma. Pequeno dicionário Portugal- Brasil, selecionei algumas: Portugal X Brasil 1. Bêbedo = bêbado 2. Surripiar= surrupiar 3. Encarnada= vermelha 4. Guarda- freio= maquinista de trem 5. Carris= trilhos de trem 6. Pedrada( gíria)= drogada 7. Aranzel= discurso 8. Matulão= vagabundo, vadio (no sentido do livro) 9. Estendal= varal (de roupa) 10. Monturo= monte de lixo 11. Juncado= grogue (pelo consumo de drogas) 12. Debicar= ciscar 13. Ganzado= tonto 14. Halo= mamilo 15. Narigar= … Continuar lendo Português Portugal X Português Brasil (3)

A morte de Clarice Lispector, por Ferreira Gullar

Ferreira Gullar era amigo de Clarice Lispector. Quando soube de sua morte (1977) não conseguia parar de pensar na amiga recém- falecida. Escreveu “Na vertigem do dia” no táxi indo para o aeroporto, pensando nela: Enquanto te enterravam no cemitério judeu do Caju* (e o clarão de teu olhar soterrado resistindo ainda) o táxi corria comigo à borda da Lagoa na direção de Botafogo as pedras e as nuvens e as árvores no vento mostravam alegremente que não dependem de nós Veja o escritor contando como soube da morte de Clarice e aonde compôs o poema: * No poema original … Continuar lendo A morte de Clarice Lispector, por Ferreira Gullar

A mudança dos signos: veja se o seu mudou

A vida muda, o Planeta muda e até os signos mudam. Parece que as pessoas dão mais importância aos signos do que aparentam, porque nas redes sociais só se falava disso, da mudança dos signos zodiacais. Existe uma constelação chamada Ophiuchus ou Serpentário, que daria nome ao 13º signo. O astrônomo de Minessota (EUA) Parke Kunkle diz que as estrelas da Terra estão atualmente em um local diferente em relação ao Sol, e seu alinhamento equatorial não é como há 3.000 anos atrás, quando o estudo da astrologia começou, naquela época os 12 signos do zodíaco foram distribuídos em 12 diferentes períodos. Os … Continuar lendo A mudança dos signos: veja se o seu mudou

Cidades Inventadas, Ferreira Gullar

Em dezembro do ano passado assisti ao seminário “Cidades Míticas e exóticas”, na Universidade Complutense de Madri; por isso, o título da obra de Gullar me chamou a atenção quando eu passeava pelas estantes da Bertrand em Lisboa no último Natal. … Continuar lendo Cidades Inventadas, Ferreira Gullar

Todos pela Educação (mesmo!)

“Todos pela Educação” é um órgão do Brasil de iniciativa privada, que tem como objetivo contribuir para que crianças e jovens tenham garantida uma Educação Básica de qualidade. O Congresso Nacional aprovou o Plano Nacional de Educação para o decênio de 2011- 2020: Art. 1º Fica aprovado o Plano Nacional de Educação para o decênio 2011-2020 (PNE – 2011/2020) constante do Anexo desta Lei, com vistas ao cumprimento do disposto no art. 214 da Constituição. Art. 2º São diretrizes do PNE – 2011/2020: I – erradicação do analfabetismo; II – universalização do atendimento escolar; III – superação das desigualdades educacionais; … Continuar lendo Todos pela Educação (mesmo!)

As doenças provocadas pelos livros

Pequeno dicionário das patologias provocadas pelos livros, segundo reportagem do El País: “Bibliofilia”= o amor exagerado pelos livros, gente que os coleciona em enormes bibliotecas pessoais, que procuram edições esgotadas e raras de forma compulsiva. “Bibliofobia”= gente que não pode ver nenhum livro que sente vontade de queimá- lo, como na Santa Inquisição. “Bibliocastia”= gente que sente pânico dos livros, que os queima, o caso extremo da Bibliofobia. “Bibliocleptomania”= pessoas que sentem uma vontade incontrolável de roubar livros e os roubam em livrarias, supermercados, casa de amigos… “Bibliofagia”= gente que come livros, página por página. Essas doenças encontram-se no livro … Continuar lendo As doenças provocadas pelos livros

Poema sujo, Ferreira Gullar

Nasceu em São Luis do Maranhão, José Ribamar Ferreira (10 de setembro de 1930) e virou um dos maiores escritores brasileiros: Ferreira Gullar (pegou o sobrenome da mãe “Goulart” e simplificou a grafia).           Escreveu Poema Sujo ( 1976)  durante o exílio em Buenos Aires. O desabafo no poema concreto, obsceno, sexual, ousado. Primeiros versos: turvo turvo a turva mão do sopro contra o muro escuro menos menos menos que escuro menos que mole e duro menos que fosso e muro: [menos que furo escuro mais que escuro: claro como água? Como pluma? Claro mais que … Continuar lendo Poema sujo, Ferreira Gullar

Uma análise do Governo Lula feita na Espanha

A Casa de América (Madri) trouxe duas brasileiras para fazer um balanço dos oitos anos de governo do Lula. Apresentou a mesa- redonda a jornalista Estela Viana, que apresenta Emissão em Português (RTVE) com a participação de Eliane Brum (Revista Época) e Michele Vieira Fernandes de Oliveira (Universidade de Brasília e membro do Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Salamanca): http://www.casamerica.es/politica/nuevo-gobierno-y-reduccion-de-la-pobreza-en-brasil Resumo do vídeo: o governo do Lula muito positivo, porque tirou muita gente da pobreza extrema, com expectativas de melhora no governo Dilma. Eliana mostra o motivo de ser uma jornalista tão premiada: conta a história da família … Continuar lendo Uma análise do Governo Lula feita na Espanha

“Life in a day”, “A vida em um dia”

“A vida em um dia”, do diretor Kevin Macdonald (“O último rei da Escócia”) e o produtor Ridley Scott (“Blade Runner”) que decidiram fazer um filme com vídeos escolhidos no dia 24 de julho de 2010 no Youtube. Oito espanhóis participarão do filme que estréia no dia 27 de janeiro. Aqui uma menina espanhola que filmou sua vida durante um dia e que aparece no filme: Continuar lendo “Life in a day”, “A vida em um dia”

Feira do Livro de Madri 2011

Já na sua 70ª edição, a Feria del Libro de Madrid” recebe todos os anos um país ou uma região como convidados e esse ano será a Alemanha. A Feira acontecerá no Parque del Retiro entre os dias 27 de maio a 12 de junho. No ano passado, a Feira trouxe escritores dos países nórdicos, com a presença de Jostein Gaarder (“O mundo de Sofia”) Åsa Larsson, Henning Mankell, Leif Davidsen e Saabye Christensen. A intenção de Dieter Lehmann, Presidente del Goethe-Institut, é promover a Alemanha na Espanha de uma forma livre de estereótipos e ideias preconcebidas. Vai haver um stand … Continuar lendo Feira do Livro de Madri 2011

As aventuras de Gulliver, 2010

Quem não conhece a clássica história do inglês Jonathan Swift, Gulliver’s travels (1726)? Acho que todo mundo já ouviu falar do náufrago Gulliver que foi parar na terra dos pequeninos de Lilliput. A história ganhou uma releitura muito bacana para o cinema em 2010, sob a direção de Rob Letterman e uma atuação excelente de Jack Black.               As sutilezas do filme, as mensagens, essas me chamaram a atenção. O personagem de Gulliver é alguém conformado, com uma vida medíocre, havia parado no tempo. Surpreendeu- se quando chegou para trabalhar no seu departamento um … Continuar lendo As aventuras de Gulliver, 2010

O brasileiro Eduardo Saverin, co- fundador de Facebook

Depois do filme “A rede social”, muita gente pôde conhecer a história de uma das redes sociais mais populares do mundo, o Facebook, que foi criado no campus da Universidade de  Harvard, nos Estados Unidos. A ideia surgiu de um grupo de estudantes que contrataram Mark Zuckerberg para desenvolver o projeto de uma rede social que seria composta pelos amigos da universidade. Ele acabou aperfeiçoando, ampliando para outros campus e roubando a ideia para si. Deixou os colegas na mão e juntou- se com o brasileiro (isso não é citado no filme) Eduardo Saverin, seu amigo pessoal e estudante da … Continuar lendo O brasileiro Eduardo Saverin, co- fundador de Facebook

A última entrevista de Clarice Lispector

Para quem lê os livros de Clarice Lispector, mas nunca deu voz à escritora, essa entrevista é uma jóia. É uma oportunidade para tentar desvendar um pouco da enigmática personalidade de Clarice. Também podemos conhecer um pouco mais da sua vida particular e sobre como produzia a sua literatura. Nessa entrevista ela diz que a literatura é uma forma de “salvação e maldição”, e que se considera uma amadora. Escreve para livrar- se de si mesma. Podemos conhecer um pouco da Clarice na sua própria voz, sua língua presa, seu sotaque nordestino. A entrevista foi concedida ao jornalista Júlio Lerner … Continuar lendo A última entrevista de Clarice Lispector