O pedófilo e estuprador: Roman Polanski

O franco-polonês Roman Polanski,  cineasta pedófilo e estuprador de uma menina de 13 anos (confessou o crime em 1977, ele tinha 44 anos ). Usou como cenário do crime a casa do amigo Jack Nicholson nos Estados Unidos (esse protagonizou “Chinatown”, autoria e direção de Polanski) drogou a menina e depois a violentou. “Chinatown” foi indicado para o Oscar em onze categorias, levou na de melhor roteiro original). O cineasta já consagrado, cometeu o pior dos crimes que é atentar sexualmente contra uma menor de idade e  com o agravante de que ela estava inconsciente, pois estava drogada, não havia … Continuar lendo O pedófilo e estuprador: Roman Polanski

Miguel Delibes, “Um povo sem literatura é um povo mudo”

No dia 12 de março de 2010 faleceu um dos maiores escritores da língua castelhana, Miguel Delibes, vítima de câncer. O escritor espanhol, nascido em Valladolid em 17 de outubro de 1920, não gostava de aparecer e nem de dar entrevistas, talvez por timidez.  Não deu fórmulas sobre como escrever um bom livro, mas disse o que não é necessário: “Para escrever um bom livro não considero imprescindível conhecer Paris nem haver lido o Quixote. Cervantes, quando escreveu o Quixote, ainda nao o havia lido”. “Para escribir un buen libro no considero imprescindible conocer París ni haber leído el Quijote. … Continuar lendo Miguel Delibes, “Um povo sem literatura é um povo mudo”