Dulce Pontes


Dulce Pontes (Lisboa, 1969) conhecida como a “voz de Portugal” e considerada a sucessora da fadista Amália Rodrigues (Lisboa,1920-1999) faz uma linda interpretação da música “Canção do mar”, cantada antes por Amália:

Canção do Mar

Fui bailar no meu batel(1)
Além do mar cruel
E o mar bramindo(2)
Diz que eu fui roubar
A luz sem par
Do teu olhar tão lindo

Vem saber se o mar terá razão
Vem cá ver bailar meu coração

Se eu bailar no meu batel
Não vou ao mar cruel
E nem lhe digo aonde eu fui cantar
Sorrir, bailar, viver, sonhar contigo

1.Batel: canoa, pequeno barco, bote

2.Bramindo: soltando gritos como as feras, estrondear, gritos de cólera.