O filme: A hora da estrela


Toda pessoa comum tem o seu momento “estrela” na vida; mas, no caso de Macabéa, não foi na vida e sim na morte. Macabéa, personagem criada por Clarice Lispector, mostra todas as dores do mundo, as misérias da vida de uma “zé- ninguém”, de uma pessoa absurdamente ingênua, que sonha, que come cachorro- quente todos os dias porque é barato, de uma “nortista” de 19 anos, que vai para o Rio de Janeiro tentar melhorar de vida. Dramático, realista, comovente.

Dirigido por Suzana Amaral, 1985.

Anúncios

Um comentário sobre “O filme: A hora da estrela

  1. Pingback: Resenha: “Água viva”, de Clarice Lispector | Falando em Literatura...

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.